MATO GROSSO

Governo vai comprar 175 máquinas e equipamentos para conservação de rodovias

Publicados

em

O Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), assinou a ata de registro de preço que garante a aquisição de máquinas e equipamentos rodoviários destinados à conservação de rodovias não-pavimentadas, em parceria com consórcios intermunicipais, associações e prefeituras.

Serão adquiridos 175 máquinas e equipamentos, sendo 100 moto-niveladoras, 30 pás-carregadeiras, 30 escavadeiras hidráulicas e 15 pranchas.  O investimento total será de R$ 94 milhões e a aquisição atende a uma determinação do governador Mauro Mendes, de investir em infraestrutura rodoviária e logística. 

Venceram a licitação, que estava dividida em oito lotes por tipo de equipamento, as empresas XCMG Brasil, responsável pelo fornecimento de 160 máquinas e equipamentos, e a empresa JH Borges, que vai fornecer as demais máquinas.  A Sinfra ainda estuda de que forma a aquisição desses equipamentos será realizada, se em uma ou duas fases.

De acordo com o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira, uma vez adquiridos, os equipamentos serão repassados para municípios, consórcios intermunicipais e associações, mediante formalização de parceria junto à Sinfra.  Eles serão destinados à manutenção de rodovias municipais e rodovias estaduais não-pavimentadas. 

Leia Também:  Mauro põe fim ao impasse das obras do VLT anuncia e novo modal para Cuiabá e VG

Hoje Mato Grosso possui 23 mil quilômetros de rodovias não-pavimentadas e cerca de 2,4 mil pontes somente em rodovias estaduais.  “A aquisição de maquinários proporcionará uma melhoria nas rodovias, diminuindo os problemas, pois a grande maioria dos equipamentos existente nos municípios e nas patrulhas rodoviárias está em condições precárias ou fora de operação devido ao elevado tempo de vida dos mesmos”, disse o secretário.

 

Em último levantamento realizado pela Sinfra junto aos municípios, foi constatada a existência de 371 maquinários do Estado, sendo 84 escavadeiras, 110 pás-carregadeiras, 175 motoniveladoras e dois semirreboques.  No entanto, a grande maioria dos equipamentos se encontra em situação de regular a ruim, e pelo menos 10% estão inservíveis.

“Vamos substituir os equipamentos inservíveis e ampliar a capacidade operacional do Estado na manutenção das rodovias não-pavimentadas. Tudo isso dentro do maior programa de construção e substituição de pontes de madeira já realizado em Mato Grosso. Ou seja, faremos a substituição das pontes e investiremos nos equipamentos para garantir a melhoria da infraestrutura e trafegabilidade das rodovias não-pavimentadas”, disse o secretário.

Leia Também:  Governo apresenta projeto de lei que isenta pagamento do IPVA

Lançado pelo governador Mauro Mendes, o programa de pontes compreende, além da compra dos equipamentos, a substituição de pontes de madeira por pontes com estrutura de vigas metálicas, por aduelas de concreto ou por bueiros metálicos, totalizando até 5 mil obras de arte especiais nas estradas municipais e rodovias estaduais.  O programa prevê ainda a construção de 65 pontes de concreto de médio e grande porte.

Fonte: Sinfra-MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

MULHER MORRE EM ACIDENTE ENTRE TANGARÁ DA SERRA E CAMPO NOVO

Publicados

em

O fato ocorreu a cerca de 30 quilômetros de Tangará da Serra e envolveu uma picape Strada, ocupada por duas pessoas e uma Ranger, ocupada por quatro pessoas

Um grave acidente foi registrado na manhã desta sexta-feira, 12, na MT-358, entre Tangará da Serra e Campo Novo do Parecis. Uma mulher morreu no local. Outras cinco pessoas, que estavam nos dois veículos envolvidos no acidente, ficaram feridas e foram socorridas.

O fato ocorreu a cerca de 30 quilômetros de Tangará da Serra e envolveu uma picape Strada, ocupada por duas pessoas e uma Ranger, ocupada por quatro pessoas.

De acordo com as informações, a Ranger seguia sentido Campo Novo quando o motorista fez uma ultrapassagem em faixa contínua e bateu de frente com a Strada.

A motorista da Strada, identificada como Marinalva de Souza, morreu no local. O outro ocupante da Strada ficou ferido e seu estado de saúde é considerado grave.

O motorista da Ranger sofreu ferimentos graves e tem suspeita de fratura na coluna. Outro ocupante da caminhonete foi socorrido no local, em estado grave. Outros dois ocupantes da Ranger sofreram ferimentos leves.

Leia Também:  STF determina que governo de MT pague duodécimos atrasados à Defensoria Pública

Todas as vítimas sobreviventes foram socorridas pelo Samu e Corpo de Bombeiros e encaminhadas a UPA de Tangará.

fonte: diário da serra

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ARENÁPOLIS

NOTÍCIAS DA REGIÃO

POLICIAL

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA