NOTÍCIAS DA REGIÃO

PM encontra burro agonizando e suspeito é preso por maus-tratos aos animais

Publicados

em

O suspeito foi preso e conduzido à delegacia da Polícia Judiciária Civil

Policiais militares do Batalhão de Proteção Ambiental prenderam um homem de 57 anos por maus-tratos aos animais. O suspeito que é proprietário de um burro foi denunciado por vizinhos que presenciaram o animal agonizando no chão, na quarta- feira (14), em Barra do Bugres.

A equipe do Batalhão de Proteção Ambiental da Polícia Militar foi acionada para verificar juntamente com agentes de fiscalização uma denúncia de maus-tratos a  um burro (animal doméstico ) no bairro Jardim Imperial.

Policiais, agentes de fiscalização da Prefeitura e um médico veterinário estiveram no bairro e localizaram o burro agonizando, as margens de um terreno que seria do amigo do proprietário do animal.

O burro apresentava magreza e no local não foi localizado nenhuma vasilha com água para o animal que estava bem debilitado, com ferimentos nas patas e no rosto. O dono do burro foi localizado, o homem alegou que o animal estava doente. O veterinário constatou que devido o sofrimento do burro seria necessário providenciar a eutansia do animal. A PM constatou que o suspeito cria outros animais animais domésticos, inclusive cavalos que ficam soltos na zona urbana da cidade.

Leia Também:  Polícia realiza a prisão de mais um fugitivo da cadeia de Arenápolis

O suspeito foi preso e conduzido à delegacia. A ocorrência foi entregue à Polícia Judiciária Civil.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque – denúncia 0800.65.39.39. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes.

Fonte: PM MT
COMENTE ABAIXO:
Propaganda

NOTÍCIAS DA REGIÃO

CARTÃO POSTAL – MORTE DE PEIXES EM LAGO DE BARRA DO BUGRES ESTÁ SENDO INVESTIGADA

Publicados

em

Uma equipe do Meio Ambiente está coletando amostras da água

A Prefeitura Municipal de Barra do Bugres, através das Secretarias de Desenvolvimento e Turismo e de Meio Ambiente, o 3º Pelotão da Polícia Ambiental em Barra do Bugres e a Unidade Regional da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) estão investigando a morte de peixes no Lago Azul, um ponto turístico mais visitado de Barra do Bugres.

De acordo com o secretário municipal de Turismo, Fernando Lopes, na última semana muitos peixes foram encontrados mortos no lago, que é considerado um cartão postal do município. Desde então, as equipes estão empenhadas em descobrir o motivo da mortandade de peixes.

Uma equipe do Meio Ambiente está coletando amostras da água que serão enviadas para a análise, e só aí poderá dizer o que foi que causou a morte dos peixes. “Estamos com uma parceria com a Polícia Ambiental, que está acompanhando, o pessoal da Sema de Tangará está dando uma força para a gente (…) e ontem [sexta-feira] pegamos os frascos na Sema, em Cuiabá, para análise da água”, explicou o secretário.

Leia Também:  Família encontra corpo de idoso em apartamento após dias sem contato

Segundo ele, uma amostra já foi colhida na sexta-feira, 16, mas em razão do laboratório estar fechado final de semana, uma nova amostra da água será colhida nesta segunda-feira, 19. “E encaminhada para a Sema”.

Os peixes mortos foram retirados pela Secretaria de Obras. Não há a quantidade exata, mas estimam entre 100 a 150 quilos de peixe mortos. “Ontem [sexta-feira] estivemos lá na represa e não houve morte, assim como neste sábado”, acrescentou, ao salientar ser este um caso atípico. “Desde que estou a frente da Secretaria, essa foi a primeira vez que isso aconteceu. Mas, segundo relato de moradores, falam que sempre acontece isso na primeira chuva, mas dessa vez foi um pouco mais (a quantidade de peixes mortos)

Fonte: Diário da Serra

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CATEGORIA

CATEGORIA

CATEGORIA

CATEGORIA

MAIS LIDAS DA SEMANA