POLICIAL

Encapuzados executam mulher na frente do marido e das filhas em MT

Publicados

em

Andreia Mariano, idade não informada, foi assassinada a tiros na noite desse domingo (22), dentro da casa onde morava no bairro Portal das Flores, em Juara (425 km de Cuiabá). As filhas da vítima e o marido presenciaram o crime.

O homicídio foi registrado por volta das 20h30, na residência localizada na Rua das Hortênsias.

Segundo informações de testemunhas, dois homens encapuzados chegaram em uma motocicleta e teriam chamado pela vítima no portão.

Em seguida, a dupla entrou e executou a mulher com diversos tiros. Vizinhos informaram que ouviram ao menos cinco disparos de arma de fogo

Após o crime, a dupla fugiu em alta velocidade. O corpo da mulher foi encaminhado ao Instituto Médico Legal, onde passará por exames de necropsia.

Buscas foram realizadas, mas a Polícia Militar não encontrou os assassinos. A Polícia Civil investiga o caso. (Com informações Show de Notícias)

Fonte: Atual Mt
COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Jovem espanca marido cadeirante com cabo de vassoura e acaba presa
Propaganda

POLICIAL

Câmera flagra homem sendo executado em MT; amigo fica ferido

Publicados

em

Fonte: Mídia News

Uma câmera de segurança registrou o momento em que dois homens foram baleados na tarde desta terça-feira (14), em Cáceres (218 km de Cuiabá). Um deles morreu.

 

As vítimas estavam fazendo reparos mecânicos em uma motocicleta quando dois home, também em uma moto, pararam com sua moto ao lado de e iniciaram os disparos.

 

Conforme informações da Polícia Militar, Wellington Thiago Cunha Leonel, 22 anos, morreu ainda no local, a outra vítima, que não teve a identidade revelada, foi socorrida com ferimentos leves.

 

As vítimas pararam na rua Ros Macucos e pelas imagens é possível ver que elas estavam tentando consertar uma motocicleta.

 

Em um certo momento, a dupla de atiradores chega em uma motocicleta e o garupa atira várias vezes contra os homens, que caem no chão. Pelas imagens é possível perceber que eles chegam a conversar por um breve momento antes dos disparos.

Segundo o delegado da Polícia Civil, Marlon Nogueira, a suspeita é que o crime seja decorrente de uma guerra entre facções criminosas. No entanto, até o momento não há informações sobre antecedentes criminais das vítimas.

Leia Também:  Ação conjunta prende faccionados e soluciona homicídio de jovem de 19 anos

A polícia segue as investigações do crime. Ninguém foi detido até o momento. Não há informações sobre o estado de saúde do sobrevivente.

Assista ao vídeo:

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ARENÁPOLIS

NOTÍCIAS DA REGIÃO

POLICIAL

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA