POLÍTICA

Eleição suplementar confirma Edilson Sampaio na presidência da Câmara de Diamantino

Publicados

em

A Câmara Municipal de Diamantino elegeu o vereador Edílson Mota Sampaio (PP) para ocupar o cargo de presidente da Mesa Diretora da Casa de Leis no período entre 05 de outubro até 31 de dezembro de 2020. O novo presidente foi empossado ao cargo após vencer de forma unânime a eleição interna ocorrida durante Sessão Ordinária nesta segunda-feira (05.10).

Eleito em 2016 aos 44 anos de idade para o seu terceiro mandato como legislador municipal, Edilson somou 457 votos na coligação “Unidos Somos Progresso” composta pelos partidos PROS, PRP, PTN e PSC, cumprindo mandato até 31 de dezembro de 2020, sendo 3 meses como presidente da Casa em substituição ao vereador Edson da Silva Giripoca (PSD) que foi afastado pela justiça eleitoral.

Pela primeira vez Edílson é eleito presidente da Câmara, mas know-how não lhe falta, pois ao longo de sua trajetória na vida política, oficialmente tramitaram cerca de 850 proposituras, e participou de uma dezena de comissões, permanentes e temporárias, tendo destaque as de Constituição e Justiça (CCJ) e Finanças e Orçamento (CFO), além de ocupar entre os anos de 2011 e 2012 o cargo de secretário da Mesa Diretora do Poder Legislativo.

Leia Também:  TIROTEIO EM ALTO PARAGUAI, HOMENS ATIRARAM CONTRA MORADORES DE DIAMANTINO

Já empossado, o presidente afirmou que realizará um mandato de coalisão, aproximando os Poderes municipais, mas com firmeza e justiça, reiterando os valores que pregou por anos de legislatura.

“Fui vereador por 12 anos nessa Casa, e Deus quis que eu fosse presidente nesses últimos 3 meses, e eu não vou fazer diferente do que eu preguei durante toda a minha vida nessa Casa, eu vou fazer aquilo que eu imagino que tenha que ser feito, aquilo que acho que é bom pra nossa população e nós vamos trabalhar para isso”, enfatizou Edílson Sampaio.

Das 882 proposituras apresentadas pelo vereador, 26 delas foram projetos de leis, 5 projetos de lei complementar, 13 projetos de resolução, 32 decretos legislativos e 235 requerimentos aos Poderes Constituídos.

 

Fonte:Magazine Noticias

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLICIAL

Vereador de MT é alvo do Gaeco por supostas fraudes em licitação

Publicados

em

A Unidade Regional do Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) de Rondonópolis deflagrou nesta segunda-feira (23), em Primavera do Leste, a Operação Afeto. O trabalho conta com o apoio do Gaeco de Cuiabá e busca auxiliar investigação realizada pela 1ª Promotoria de Justiça Cível de Primavera do Leste. Foram cumpridos mandados de busca e apreensão na residência e no gabinete de um vereador do município, nas empresas Nova Service e Top Service, além da estação e almoxarifado onde são guardados os veículos e maquinários das empresas investigadas.

De acordo com o Gaeco, a investigação apura fraudes em licitação envolvendo empresas registradas em nome da esposa e do enteado do parlamentar investigado. Há indícios de que o vereador atue junto ao município promovendo o direcionamento de licitações, visando o favorecimento de familiares que supostamente operam como “laranjas”.

Entre os anos de 2016 a 2020, as duas empresas alvos da operação movimentaram mais de R$ 4 milhões de verbas públicas por meio de contratos celebrados com o município. Entre os serviços contratados, estão transportes escolares, locações de máquinas e caminhões, varrição, recolhimento de resíduos, obras de engenharia, calçamentos, entre outros.

Leia Também:  Euclides tem apoio de 3 mil candidatos a vereadores em MT

Segundo o Gaeco, o nome dado à operação realizada nesta segunda-feira é uma alusão aos laços de parentesco e amizade do vereador com as empresas supostamente favorecidas pela prefeitura.

Fonte: Repórter MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CATEGORIA

CATEGORIA

CATEGORIA

CATEGORIA

MAIS LIDAS DA SEMANA