POLÍTICA

TCE descobre fraude e suspende pregão de R$ 5 milhões em MT

Publicados

em

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) determinou a suspensão imediata de uma licitação da Prefeitura de Rondolândia (1600 km de Cuiabá), avaliada em R$ 5,495 milhões, para a contratação de uma empresa privada para gerenciar a frota de veículos do município. A decisão do conselheiro Sérgio Ricardo foi publicada na segunda-feira (16) no Diário Oficial de Contas (DOC) e atendeu pedido da empresa Neo Consultoria e Administração e Benefícios, derrotada no certame que elencou suspeitas de irregularidades.

O pregão presencial 05/2022 tem como objeto o registro de preço para contratação de empresa especializada na prestação de serviço de gerenciamento de cartões de abastecimento de combustível para atender a frota de veículos, caminhão e máquinas do município, por meio da implantação de um sistema informatizado e integrado com utilização de cartão de pagamento magnético ou microprocessado (chip) e disponibilização de rede credenciada de postos de combustíveis. A empresa Neo Consultoria alegou que a licitação foi concluída com diversos indícios de irregularidades no certame.

Apontou falhas na abertura de envelope de habilitação do segundo colocado, enquanto ainda estava sendo analisado os documentos de habilitação da primeira classificada; inabilitação da empresa que ofereceu a melhor proposta por não ter entregue documento que só era exigível na fase de implantação, após a assinatura do contrato, e, julgar o recurso  administrativo da NEO, sem realizar a posterior remessa dos autos para a autoridade superior. Após o encerramento da fase competitiva, a Volus se sagrou vencedora do certame com a oferta da taxa de administração negativa de -0,05% e que durante a análise dos documentos de habilitação da vencedora, a pregoeira suspendeu a sessão para realização de diligências e verificação da validade do certificado de licenciamento integrado apresentado pela Neo e da rede de postos credenciados pela empresa.

Leia Também:  'Retirar MT da Amazônia Legal traz prejuízos', diz secretária de Meio Ambiente

Na decisão, o conselheiro Sérgio Ricardo destacou que a obrigatoriedade das licitantes procederem à apresentação, ainda na fase de habilitação técnica, de relação de redes credenciadas, acarreta ônus desnecessários aos participantes, e, por consequência, restringe a competitividade da licitação, o que se materializa, portanto, em exigência irregular nesse momento do certame.  Por isso, os argumentos da NEO Consultoria são plausíveis, até porque, a empresa foi desclassificada da licitação e não obteve a resposta completa da Pregoeira do município.

Conforme o conselheiro Sérgio Ricardo, há suspeitas de que o edital foi restringido para impedir a participação de novas empresas, o que conforme os precedentes do Tribunal de Contas da União (TCU), impossibilidade que o ente federativo receba a proposta mais vantajosa aos cofres públicos. “Nesse contexto, implica-se em quantidade menor do número de proponentes que poderão oferecer o mesmo serviço com taxas inferiores à Administração, o que implica, diametralmente, na ausência de vantajosidade da contratação, e torna mais robusta a necessidade de suspensão do procedimento licitatório”, diz trecho da decisão.

Leia Também:  Por imagem do paletó, juiz suspende programa de Frical em VG

Fonte: Folha Max

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍTICA

Davi Oliveira alcança 2º lugar em pesquisa de intenção de votos

Publicados

em

Divulgada pelo jornal Diário da Serra nesta quarta-feira (15), a pesquisa revelou as intenções de votos dos eleitores de Tangará da Serra para Deputado Estadual, Deputado Fed

eral, Governador ePresidente da República. Segundo os dados apresentado, o atual vereador e pré-candidato a Deputado Estadual Davi Oliveira foi escolhido por 10.74% dos
eleitores, ocupando assim o 2º lugar e ficando atrás apenas de Dr. João. Oliveira que segue sendo uma grande aposta dos eleitores não só de Tangará, mas também da região, expressou otimismo e gratidão ao ver a colocação conquistada. “É uma satisfação muito grande ver o resultado da dedicação que tenho tido em meu trabalho em prol da sociedade sendo apontado como escolhido em meio a tantos nomes. Meu maior objetivo é continuar fazendo a diferença onde quer que eu ande, na vida do máximo de pessoas que eu puder. Só posso agradecer a confiança mais uma vez depositada no meu trabalho e dizer que situações como essa me deixam imensamente feliz pela escolha do caminho até aqui percorrido.” Ressaltou Davi. Como uma margem de erro de 4.86% a pesquisa está registrada no TRE-MT sob o Número 05863/2022 tendo sido realizada entre os dias
09 e 12 de junho. Os dados completos podem ser conferidos no link do site: http://www.diariodaserra.com.br/Noticia/Detalhes/MTk3NTU5/PESQUISA-DS-%E2%80%93-Dr-Joao-e-Wagner-Ramos-tem-larga-vantagem-sobre-os-demais-candidatos-tangaraenses

Leia Também:  Família presume morte de parente, congela corpo e descobre 20 horas depois que ele estava vivo

Fonte: Assessoria de Comunicação

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

ARENÁPOLIS

NOTÍCIAS DA REGIÃO

POLICIAL

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA